quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

só o barulho da água...


Hoje acordei querendo terra...
Querendo colo...
E querendo mãe...
O dia ta lindo...
O céu azul...do jeito que ela gostava...
O sol vem vindo acompanhado de um ventinho fresco...o que me fez lembrar beirada de praia...tenho saudades...
Dela...
E da praia...
Pois é...voltando a terra...e voltando a mãe...
acordei querendo sentir o cheiro...
da terra...
e da mãe...
querendo tocar nela...
na terra...
e na mãe...
que pena que não tenho terra no chão...para poder andar descalça sobre ela...
que pena que não tenho mais minha mãe...
pra poder deitar no colo dela...
quando eu ainda estava do lado dela...tinha alguns vasos de plantas...que a incomodavam porque ela tinha mania de limpeza...
Essa água vai ficar pingando aí no chão?
Ela perguntava com cara de brava sempre que eu regava meus pequenos vazinhos...que eram poucos...
Dizia isso...sentada na cadeira dela...cadeira que ninguém sentava...só ela...
Ficava me olhando de lá...
Hoje quando reguei meus vazos...que agora são muitos...fiz questão de colocar um pouco mais de água...
deixei que a água escorresse...
deixei a água pingasse...
e não enxuguei nada...
deixei lá...
tudo molhado...
como criança...que faz pirraça...
pra ver se ouvia a voz dela...
olhei pra ver se via cadeira...a cadeira que era só dela...
não ouvi nada...
não vi nada...
só o barulho da água...

Carla Pianchão

Nenhum comentário: